FOTO: FDR

A cidade do Recife, em Pernambuco, foi um dos exemplos do que pode acontecer em momentos de desespero. Nos últimos dias, uma fila quilométrica reuniu pessoas que estavam querendo tirar dúvidas sobre o Auxílio Brasil e para atualizar os seus cadastros no Cadúnico. Pelo menos é o que se sabe.

Algumas delas estão indo para esses centros na noite do dia anterior ao atendimento. E por isso estão passando a madrugada inteira esperando para conseguir uma ficha. Essa não é uma situação que está se desenvolvendo apenas na capital pernambucana. Há registros de filas também em outras capitais, como Manaus, por exemplo.

Acontece que desde que o Governo anunciou a criação do Auxílio Brasil para este mês, muita gente correu para os Cadúnicos para conseguir resolver as suas situações. Só que muitas das pessoas que estão indo para esses lugares nem sabem que poderiam tirar essas dúvidas em casa mesmo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Remotamente, é possível saber, por exemplo, que quem está com o Cadúnico atualizado não vai precisar fazer nenhum tipo de nova inscrição no programa em questão. Essas pessoas não precisam se deslocar até um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) para fazer nenhum tipo de inscrição.

Para verificar se o cadastro está atualizado ou não, o cidadão também não precisa ir até o local. Antes, ele pode acessar essa informação pelo site oficial do Cadúnico mesmo. Por lá, ele vai saber se precisa ou não ir até o CRAS para fazer essa manutenção. Vale lembrar que isso tudo pode mudar a qualquer momento.

Pode mudar

Sim, tudo isso pode mudar. De acordo com informações do próprio Governo Federal, ainda faltam definir uma série de pontos sobre esse enredo. Então tudo pode acontecer a qualquer momento.

 

Hoje, o que se sabe é que quem está com o Cadúnico atualizado não precisa fazer mais nada. Basta esperar para saber se o Governo vai inserir seu nome ou não na lista de pessoas que receberão esse benefício.

Só que o cenário em Brasília é de mudança constante. Então de fato eles podem acabar mudando algumas regras. O ideal mesmo é não perder nenhuma notícia sobre o assunto. Principalmente nos próximos dias.

Auxílio Emergencial

Outra questão que também está levantando dúvidas das pessoas é o Auxílio Emergencial. Oficialmente o que se sabe é que esse programa chegou ao fim no final do último mês de outubro. Pelo menos é o que o calendário oficial aponta.

Só que de acordo com informações de bastidores, isso pode mudar. É que membros do Governo Federal ainda estão tentando convencer o Presidente Jair Bolsonaro a prorrogar esse benefício por mais alguns meses.

Vale lembrar que este ano o Auxílio Emergencial já passou por uma prorrogação. A ideia inicial do Governo Federal era seguir com os repasses até julho. No entanto, por causa da piora na pandemia, eles decidiram empurrar o programa até outubro deste ano. Agora, no entanto, não se sabe se o Planalto está disposto a esticar o projeto por uma segunda vez.

 

COM INFORMAÇÕES SITE NOTÍCIAS CONCURSO

Deixe uma resposta