Um homem de 25 anos foi assassinado na tarde deste sábado (23) em Araguaína, na região norte do Tocantins. Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima foi atingida por um tiro na cabeça. O crime aconteceu após um dia após uma noite violenta, com seis homicídios em menos de 12 horas.

O último crime aconteceu por volta de 14h30 na avenida Tiradentes, Setor Carajás. Os policiais foram ao endereço e encontraram o homem com sangramento e perfuração na cabeça provocada por disparo de arma de fogo. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) constatou a morte.

A perícia foi realizada e o corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML). A esposa da vítima esteve no local e disse aos policiais que não sabia a possível motivação do crime e relatou que a vítima já tinha duas passagens pela polícia por roubo.

A Polícia Militar fez buscas na cidade, mas nenhum suspeito do crime foi localizado. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Crimes em Araguaína

 

Seis mortes foram registradas entre a noite de quinta-feira (21) e a madrugada desta sexta-feira (22) em Araguaína, no norte do Tocantins. Os óbitos aconteceram em três ocorrências diferentes.

Uma das vítimas foi o guarda metropolitano Luciano Pereira Cardoso, de 33 anos. Os suspeitos de cometerem o crime eram vizinhos dele e morreram em confronto com a Polícia Militar.

Os casos estão sendo investigados pela Delegacia de Homicídios de Araguaína.

Deixe uma resposta