Data: 27/07/2021. Local: Parque da pessoa idosa. CURSO SOBRE ECONOMIA SOLIDÁRIA. Professor Silas Ribeiro. Foto: Regiane Rocha.

Com o objetivo de fomentar o apoio à comercialização da economia solidária, com assessoria técnica e informação, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Emprego (Sedem), por meio do projeto Desenvolve Palmas, promove cursos gratuitos a trabalhadores da economia solidária. As capacitações iniciaram no dia 30 de junho e a parte teórica será concluída na quinta-feira, 29, no Parque da Pessoa Idosa.

Durante esse período, os trabalhadores participaram dos seguintes cursos: conceito à economia solidária; princípios sobre cooperativismo e associativismo; economia solidária – juventude e cidadania e direitos humanos e cidadania; mulheres empreendedoras; melhoramento de produtos; e precificação de produto. Cada curso contou com a duração de cinco dias, e para os dias 16 a 27 de agosto está prevista uma oficina prática sobre qualificação profissional em vestuário e moda. Esta também será aberta ao público em geral que pode se inscrever pelo telefone 3212-7331.

Data: 27/07/2021. Local: Parque da pessoa idosa. CURSO SOBRE ECONOMIA SOLIDÁRIA. Professor Silas Ribeiro. Foto: Regiane Rocha.

Para a presidente da Associação de Mulheres em Ação de Palmas (Amap), Francisca Lima Barros, o curso veio para concretizar a forma de trabalho. “A gente está aprendendo novas técnicas, novas formas de se relacionar, de colocar produtos à venda e de acabamento. Tudo isso está sendo de grande valia”. A Amap já recebeu do projeto oito máquinas de costura, kits de costura e manutenção das máquinas por um ano, além de assessoramento técnico e qualificação profissional.

Data: 27/07/2021. Local: Parque da pessoa idosa. CURSO SOBRE ECONOMIA SOLIDÁRIA. Professor Silas Ribeiro. Foto: Regiane Rocha.

Desenvolve Palmas

O projeto é fruto de parceria entre o Governo Federal e a Prefeitura de Palmas, e desde 2013 atende 25 grupos de economia solidária. A agente de formação solidária Bruna Coelho Rodrigues explica que dentre os grupos assessorados estão associações e cooperativas de artesanato, catadores de materiais recicláveis, feirantes e produtores de hortas, que se encaixam no perfil da economia solidária.

“Foram grupos mapeados desde 2013, no início do projeto, e desde então a Sedem vem acompanhando e entregando a esses grupos benefícios, a exemplo dos sete grupos de corte de costura que receberam do projeto máquinas de costura, kits e manutenção das máquinas, fomentando a geração de trabalho e renda. Aos piscicultores entregamos tanque-rede para ajudá-los na produção e geração de renda”, destaca.

Lideranças dos conselhos estadual e federal da economia solidária também foram convidadas a participar dos cursos. O palestrante Silas Ribeiro, que tem formação em administração pública, falou da importância dessa mobilização para fortalecer o trabalho da economia solidária em Palmas. “Mobilizamos esses líderes regionais da economia solidária para que eles pudessem fazer um link e networking com o público dos cursos para o ingresso deles na economia solidária, fortalecendo esse segmento em Palmas”.

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta