A Gerência em Saúde do Trabalhador/Cerest – TO recebeu entre os 16 a 19 de maio de 2022, servidores do MS. Divulgação SES-TO

A Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO), por meio da Superintendência de Vigilância em Saúde/Gerência em Saúde do Trabalhador/Cerest – TO recebeu entre os dias 16 e 19 de maio de 2022, a equipe de técnicos da Coordenação-Geral de Saúde do Trabalhador (CGSAT) do Ministério da Saúde (MS). O intuito da visita foi à realização de reuniões de apoio institucional aos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) Estadual, Regional de Araguaína e Municipal de Palmas.

A Gerência em Saúde do Trabalhador/Cerest – TO recebeu entre os 16 a 19 de maio de 2022, servidores do MS. Divulgação SES-TO
Foram feitas reuniões de apoio institucional aos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) Estadual, Regional de Araguaína e Municipal de Palmas. Divulgação SES-TO

O diretor de vigilância ambiental e de saúde do trabalhador, Sérgio Luís de Oliveira Silva, explica a importância da visita. “É relevante destacar essa articulação entre o MS, Estados e municípios, possibilitando assim, a promoção de ambientes de trabalho saudáveis e seguros visando a prevenção das doenças e  agravos relacionados ao trabalho.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O consultor técnico do MS, Rodrigo Silvério de Oliveira Santos, esclareceu que “a CGSAT realiza visitas de apoio institucional aos Estados com o objetivo de qualificar as ações dos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), bem como busca nesses momentos pactuar estratégias com gestores locais para a estruturação e garantia de apoio às ações das equipes de Vigilância em Saúde do Trabalhador (Visat) nesses territórios, pois isso reflete diretamente na implementação da Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora (PNSTT) e no fortalecimento da nossa Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador (Renast)”.

O técnico complementa que “em resumo, nossa ação in loco está direcionada para o reconhecimento das necessidades dos serviços e na organização das estratégias de ação conjunta, entre união, estados e municípios, para avanço de nossa política pública, que impacta diretamente na manutenção da saúde e da integridade dos trabalhadores, qualquer que sejam as suas atividades econômicas desenvolvidas”, afirma.

Pautas das reuniões

Nas reuniões realizadas, foi apresentada a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador e contextualização do Estado do Tocantins, pelos técnicos da CGSAT; além disso, o Estado apresentou a situação local da saúde do trabalhador na área de abrangência do Cerest regional de Araguaína, do Cerest municipal de Palmas e do Cerest estadual do Tocantins.

Na ocasião, foram pactuadas ações e assumidos compromissos entre a Coordenação-Geral de Saúde do Trabalhador, a secretaria Municipal de Saúde de Palmas, a Secretaria Estadual de Saúde de Tocantins e os Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) estadual, municipal e regional.

O objetivo das ações pactuadas é garantir as condições necessárias para que o serviço possa funcionar plenamente e alcance os resultados esperados conforme previsto na Política Nacional de Atenção à Saúde Integral do Trabalhador e da Trabalhadora (PNSTT).

Deixe uma resposta